terça-feira, 5 de outubro de 2010

Existe Sorte?

Eu acredito que sim, a sorte é o resultado do nosso trabalho ou seja das nossas acções. Mesmo a Bíblia refere-se a sorte como algo que necessita da nossa iniciativa quando cita-se "Deus só ajuda quem se ajuda a si mesmo". Por isso não podemos querer que as coisas aconteçam porque desejamos que elas aconteçam ou que a nossa vida seja mais fácil.

Não concordo com muitas coisas e duas que se relacionam com esta batida de ideias são: "Estou mais ou menos" e "Estou atrás do prejuízo".
São tristemente expressões muito comuns no nosso dia-a-dia angolano. As pessoas dizem como forma de responder a uma saudação e abrir ou justificar o seu desaparecimento social.

E deixo uma pergunta para justificar a minha posição o que acontece quando se encontra o prejuízo?

Desculpa queria mesmo deixar duas, se é no céu que tudo é prefeito e normalmente a condição por nós conhecida é através da morte! Então como podemos estar mais ou menos se a condição de estar vivos é não estar no paraiso?

a) Quem acessa este blog normalmente não é mendigo nem vive de esmola, mas também usa a expressão estou mais ou menos;

b) Como ficam as pessoas que não sabem quando foi a última refeição de sal;

Até já!

3 comentários:

José Sousa disse...

Muito bem!
Esta é mais uma forma de me manter informado sobre a terra que aprendi a amar. Boa continuação e conheça os meus Blogues em:

www.congulolundo.blogspot.com
www.angolaeseusfilhos.blogspot.com

Felicidades e um Abração

amoremportugues disse...

oi kussi!
Existe Sorte?
Acredito que Sim.Definiria como uma linha invisivel no alto das nossas cabeças,qual marionetas.Porém não age de forma linear)parece um contra senso não é?
Ela é travessa,gosta de brincar/testar os nossos desejos,vontades,crenças e fé. Mas nos é intrinseco.Creio que há uma percentagem determinante, dependente da "Vontade do Universo"(feliz ou infelizmente)
Muitas vezes mede-se a sorte com base na quantidade de coisas que se conquista...o que acho errado.
Percebo-a sempre na minha vida,umas vezes perceptiveis, outras não,mas sempre lá.
Sei que sou uma mulher de/e com Sorte.Acredito nela,não como algo passageiro,que se tem e depois se perde.É como uma flor,mas caprichosa.gosta de ser mimada...
Quanto ás expressões correntes que diariamente usamos sem reflectir sobre o seu significado:é um mal herdado de muitas fontes.as novelas como ex.
São expressões/frases para encurtar explicações ou reflexões que não se quer dar á nós ou á outros...
Felizmente,eu já não estou "Mais ou Menos" faz muito tempo.Decidi corta-la do meu repertório de expressões sem nexo.Soava vazia,vaga.Dispensavel.
Com este teu empurrão irei cortar com o "Muito Obrigada" e me dedicarei ao "Muito Grata"

Já agora "Grata"
Beijão Gande
Naomí

Kardo Bestilo disse...

Naomí,
Kiambote!

É isso ai! Só de nós depende no final do dia manter ou eliminar esta flor linda que precisa da nossa entrega, dedicação e fé.

KB